A dor de dente aparece sem avisar e sempre significa que algo não está certo com os seus dentes. Pode ser no meio da noite ou de uma viagem de férias com a família, e nesses casos fica muito mais difícil marcar uma consulta com o seu dentista de confiança.

Nesses casos, algumas medidas podem ser tomadas para aliviar a dor, como:

  • Fazer um bochecho de água morna com sal. A infecção dentária é uma das causas mais comuns para a dor de dente e o sal auxilia a eliminar a infecção, e a água morna drena o fluídos da infecção e acalma o tecido.
  • Optar por uma compressa gelada também pode promover o alívio da dor, já que o gelo reduz o fluxo sanguíneo na região e ajuda no desinchar.

É importante ressaltar que é necessário evitar o uso de medicamentos sem sem prescrição médica, mesmo que algum amigo ou parente tenha usado o remédio.

Na primeira oportunidade, compareça ao dentista para tratar da dor. Mesmo que ela já tenha passado, pois é necessário investigar o que a trouxe e tratar as causas para que o desconforto não volte.

Quando a dor de dente fica presente por um longo período, o rosto do paciente fica inchado e o desconforto já não está mais presente significa que o nervo que causa a dor já está necrosado.

Por isso é tão importante comparecer ao dentista, não importa o grau da dor.

O ideal é que você consulte com o seu dentista a cada 6 meses para evitar que o incômodo da dor de dente apareça, prevenindo esses e outros problemas bucais. Além disso, na consulta de rotina é importante realizar a profilaxia com o objetivo de limpar os dentes e ficar livre do tártaro e dos riscos de cárie.

Ir ao dentista quando nada está errado é mais fácil do que esperar que algo aconteça. Quando foi a última vez que você foi a uma consulta odontológica?

Contact Us On WhatsApp